Energia Vital

st2

A energia vital divide-se em cósmica e telúrica. Entre as várias denominações temos: prana na Índia, ki no Japão, Chi na China. Trata-se pois de uma mesma energia que anima a todas as formas vivas.

A energia vital passa por uma espécie de filtragem no nosso campo áurico e é metabolizada nos chakras, sendo distribuída pelo nosso corpo, através de canais de energia, que são denominados nádis, chegando aos nossos órgãos e sistemas.

A palavra chakra é sânscrita e significa roda e os principais são em número de sete. São cones de energia, que circulam em espiral e estão ligados a níveis de consciência. Os 2º, 3º, 4º, 5º e 6º chakras são formados por formados por cones duplos e suas bases estão na coluna vertebral. O chakra anterior sai pela frente do corpo e o posterior, pelas costas; o 1º e o 2º chakras são formados por cones simples.

A função principal dos chakras é absorver e metabolizar a energia vital e para isso ele deve possuir uma determinada calibragem, uma determinada abertura. Esta calibragem é diretamente relacionada com o nosso nível de percepção e consciência. Portanto, para calibrá-lo, devemos ter o máximo cuidado para que a abertura do cone chákrico esteja na medida correta, para que não haja choques energéticos.

                                                                                                Marcos Lattuca da Silva