Este mundo é transitório

 

A nossa realidade muda sem parar!

Num instante estamos de um jeito e de repente, muda o cenário, a situação, as pessoas, enfim, nada é constante e vivemos num mundo de incertezas.

O mundo é uma realidade passageira. As coisas permanecem verdadeiras por um tempo e depois… tudo muda.

Os orientais costumam falar em Sansara ou Roda da Vida.

No Tarô existe uma carta que mostra justamente a inconstância da realidade física e a nossa necessidade de encontrarmos o eixo central desta Roda para sair de tantas descidas e subidas na vida.

Como sobreviver a tantas mudanças?

Somente se estivermos conectados com a nossa Alma e consequentemente com o Criador.

Não existe permanência no corpo. No plano físico. No mundo da dualidade.

Tudo é uma ilusão do Ego.

Se o que existe é a impermanência, como nós poderíamos encontrar felicidade em coisas que erroneamente julgamos ser nossas? Sempre haverá decepção e rompimentos.

Nada é. Tudo se torna. Esta é a regra geral.

Somente “É” a Luz Infinita do Pai e que encontra-se à nossa disposição!

Quando despertamos a consciência e nos sentimos EM DEUS, partes D’Ele, seres Divinos e amados do Pai, passamos a viver a permanência ou sentido de Eternidade, pois a sombra da morte ou das mortes serão apenas portais para processos de renovação e desapegos necessários.

A possibilidade de encontrarmos  felicidade com conceitos e verdades pessoais apegadas e cheias de Ego é ZERO!

Portanto, sejamos metamorfoses ambulantes, conforme disse o Raul Seixas.

Encontremos o sentido e a necessidade das mudanças e que possamos permitir sempre a nossa renovação para não ficarmos empoeirados na beira do caminho.

Que a impermanência nos mostre sempre quem somos e quem deveremos ser.

Paz e Luz!

 

Zuleika Menezes.

 

 

Posted in: